Motivos para ler "O homem que odiava Machado de Assis" - Tomo Literário

Post Top Ad

Motivos para ler "O homem que odiava Machado de Assis"

Compartilhe

O homem que odiava Machado de Assis, foi escrito por José Almeida Júnior e publicado pela Faro Editorial em 2019. O autor foi vencedor do Prêmio Sesc de Literatura e finalista do Prêmio Jabuti.

Sobre o livro:

E se o principal livro de Machado de Assis fosse autobiográfico? Neste romance, uma outra face de Machado de Assis é apresentada e convidamos os leitores a conhecerem a versão de seu adversário mais desgraçado. Dois garotos, de origens muito diferentes, são forçados a conviver por alguns anos e acabam por ver suas trajetórias enlaçadas por um destino irônico. Do Morro do Livramento, passando por Portugal e pelo Rio de Janeiro do final do século XIX, os meninos, agora homens, se reencontram e retomam uma rivalidade pela qual vale dedicar a vida. E hoje, enquanto um é celebrado como um dos maiores escritores brasileiros, Pedro Junqueira, nosso personagem marcado pelo azar e pela usurpação, tem pela primeira vez a chance de ver sua história narrada sob outro ponto de vista... Porque ter como adversário o escritor de maior prestígio na literatura brasileira não deve ser fruto apenas do acaso, mas uma maldição. Junqueira não teve apenas ideias roubadas e oportunidades minadas, mas também a perda de seu grande amor."

Motivos para ler "O homem que odiava Machado de Assis":

O livro já foi resenhado pelo Tomo Literário e temos sorteio rolando no instagram (@tomoliterario). As participações se encerram no dia 25/08/2019 às 23h59. Que tal conferir motivos para a ler a obra?

O célebre escritor Machado de Assis

O escritor Machado de Assis, por si só, já é um grande motivo para que você leia o livro. Por que Pedro Junqueira o odeia? Se você gosta das obras de Machado de Assis vai se deliciar com uma história que traz referências aos livros do consagrado escritor. Se você não gosta, vai facilmente juntar-se ao time de Pedro e torcer por ele, o principal rival de Machado de Assis, que tem uma intrigante história e que a narra para os leitores. Posto isso, veja que tanto os que amam, quanto os que odeiam Machado de Assis tem um bom motivo para fazer a leitura do livro de José Almeida Júnior.

Machado de Assis Real


O movimento #MachadoDeAssisReal foi criado para corrigir um erro histórico. Machado de Assis era negro, mas foi retratado como branco. O livro é o primeiro a trazer na capa a foto real do escritor. O marcador feito pela editora vem com uma foto que pode ser destacada e colada nos livros que você tem e que não o retratam tal como é. Para conhecer o movimento acesse www.machadodeassisreal.com.br.

Pano de fundo histórico

O livro trata de um período em que o Brasil discutia a liberdade dos escravos, estamos falando do final do século XIX. Portanto, temos no livro a representação de uma parte da história do país que se revela em personagens lutando para que a lei que liberta os escravos fosse aprovada. O próprio protagonista-narrador, chamado Pedro Junqueira, participa de imersões políticas e escreve um projeto de lei que trata do tema.

Escritor premiado

José Almeida Júnior é um escritor agraciado com o Prêmio Sesc de Literatura, que possibilitou a publicação de seu primeiro livro, Última Hora.  Também foi finalista do Prêmio Jabuti e indicado ao Prêmio São Paulo de Literatura.  O homem que odiava Machado de Assis é uma oportunidade que o leitor tem de conhecer a escrita, a inventividade e a criatividade do autor em  elaborar uma história ficcional que se mescla com personagens reais.

Mescla de ficção e realidade na medida certa

O livro ficcional traz elementos, pano de fundo e personagens reais. Você, leitor, vai se deparar com personagens reais lidando com situações reais e também com situações que foram criadas pelo autor a partir daquilo que aconteceu de fato, o que torna a trama muito atrativa. Os romances históricos tem essa possibilidade de encantar o leitor deixando aquele questionamento: será realidade ou ficção? Essa mescla mexe com o nosso imaginário.

Uma grande história

A obra tem uma grande história que trata de rivalidade, encontros, desencontros, literatura, relacionamentos amorosos, além de tudo que já mencionamos anteriormente. Com uma trama recheada de bons personagens e uma narrativa gostosa de ler, temos uma grande história. Grandes histórias merecem ser lidas.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.

Post Bottom Ad

Pages