A violência contra povos indígenas é abordada na graphic novel "A Última Flecha" - Tomo Literário

Post Top Ad

A violência contra povos indígenas é abordada na graphic novel "A Última Flecha"

Compartilhe

Ilustrador amazonense da Nickelodeon assina a arte da história de vingança presente na primeira graphic novel lançada pela Monomito Editorial
Depois de testemunhar o extermínio de sua nação, um indígena se lança numa jornada de vingança que atravessa o tempo, com passagens por épocas distintas em Manaus (AM). É com essa premissa que a Graphic Novel “A última flecha”, chega ao mercado literário pela Monomito Editorial, roteirizada pelo jornalista e cineasta Emerson Medina e ilustrada por Romahs Mascarenhas.
Romahs, que produz histórias para as personagens dos estúdios Maurício de Souza como Turma da Mônica e para o desenho do Neymar Júnior na TV por assinatura e Nickelodeon, dessa vez explora um traço mais realista.
O roteiro de Medina, por sua vez, nos leva por uma trama de ajuste de contas com todos os elementos que são esperados numa história de vingança, contendo doses de violência. Por isso, a classificação indicativa é a partir de 16 anos.
Sydnei Gusmão, que é jornalista e editor de Histórias em Quadrinhos e dos estúdios Maurício de Souza, faz a apresentação da obra. A edição é da Monomito Editorial de São Paulo que comercializa a publicação para todo o País, no site próprio de vendas (https://www.livrariamonomito.com.br/a-ultima-flecha) e que em breve também estará em espaços físicos na capital paulista.
A Última Flecha é um projeto contemplado pelo Edital Conexões/2017 da Prefeitura de Manaus, via Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult). O lançamento da graphic novel será  no dia 17 de agosto, às 19h, na Banca do Largo, em Manaus.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.

Post Bottom Ad

Pages