Dilacerada - Helô Delgado - Tomo Literário

Post Top Ad


Nos consultórios de psicologia clínica os profissionais ouvem inúmeras histórias que versam sobre a vida dos pacientes. É no ambiente de uma clínica, por meio das sessões que Vivian Almeida tem com sua psicóloga, que passamos a conhecer a protagonista do livro Dilacerada, de Helô Delgado, publicado pela Editora Coerência em 2018. 

A psicóloga olha para Vivian e aguarde que ela comece a falar de tudo que a incomoda. Começamos então a conhecer a protagonista, desde a infância ao lado de sua mãe Karina e sua irmã Valéria, que tem síndrome de Down. Passamos pela descoberta de um amor, Lucas, um menino que ela conheceu nessa casa. Daquele consultório somos transportados pela vida toda da personagem.

A alienação parental entra em cena, posto que Vivian e sua irmã são mantidas distantes do mundo pela mãe, que não permite que elas saiam de casa e exige que Vivian tenha que fazer todas as atividades de limpeza e manutenção da moradia. Nessa situação, ainda garota, ela conhece Lucas e passa a se envolver com ele. Vivian, nas sessões, vai contando a construção dessa relação diante da história familiar complicada que vive. A personagem fala sobre a sua impossibilidade de amar, possivelmente advinda da forma como fora criada pela sua mãe.

“Existem algumas passagens das nossas vidas que são complicadas de serem lembradas. Muito mais simples deixa-las trancafiadas no fundo de nossa memória. Trazê-las à tona só faz com que revivamos o trauma. Todavia, dizem que é necessário segurá-los par poder seguir em frente, não é mesmo?”

Aos quinze anos, Vivian passou por uma situação traumática, devastadora, que a deixa dilacerada. Prepare-se, caro leitor, para enfrentar momentos de tensão e fortes emoções, que você vai sentir com o avançar da leitura e ao tomar conhecimento dos acontecimentos que permeiam a vida da garota.

A narrativa de Helô Delgado é fluída, gostosa de ler e os diálogos são bem construídos, tal qual os personagens que aparecem para o leitor de modo muito verossimilhante e carregados de histórias pregressas, com marcas em sua vida. Os personagens carregam na sua formação a força de seu passado.


Acompanhar as sessões de Vivian, a protagonista já adulta (aos 27 anos), que narra a história em primeira pessoa, é fascinante. O fato de a personagem narrar o seu passado, torna-nos mais próximos dela e faz com que compreendamos as nuances psicológicas da personagem. São os detalhes de acontecimentos que ocorreram na vida dela que nos levam a visualizar sua personalidade e a formação de seu eu. Vivian é uma personagem profunda.

Passamos por trinta e uma semanas em que ela se encontra com a psicóloga e nos conta seu passado. Passado este que ela precisa enfrentar e reviver para superar algumas marcas que ficaram em sua vida. Há fatos que nos pegam de surpresa e que acontecem na vida de Vivian, Karina, Lucas - personagens que tem ligação com a protagonista e que de um modo ou de outro foram importantes para ela e para a constituição de quem ela é quando adulta.

Algumas coisas merecem destaque na trama. Primeiro o fato de Karina - mãe de Vivian - não ser uma personagem que siga o padrão que a sociedade espera de uma mãe. A forma como ela trata as filhas nos faz refletir sobre o papel da maternidade na constituição da personalidade de uma pessoa e nos faz, sobretudo, ver que nem toda mãe é um amor. Outra coisa que merece ser destacada é a irmã de Vivian que tem síndrome de down e a forma como a personagem é abordada dentro da trama é feita com naturalidade, o que faz parte da vida da protagonista. Nesse sentido, Val é citada sem estardalhaços em torno da síndrome que tem. Mais um ponto a se destacar é o entrelaçamento de histórias pregressas dos personagens, o que garante uma boa dosagem de reviravoltas.

Dilacerada é um livro emocionante, dramático, tocante e que nos apresenta uma história crível e que é capaz de prender a nossa atenção ao longo de toda a trama. Acompanhamos a história de Vivian com o coração na mão. 

A narrativa de Helô Delgado é clara e nos permite adentrar a psique de sua personagem. O fato de ter adotado a narração em primeira pessoa foi acertado para a trama que se apresenta ao leitor. Como falamos de sessões com a psicóloga é como se a protagonista estivesse contando tudo para nós, leitores. Uma trama surpreendentemente emocionante! Esteja preparado ou preparada para se dilacerar com a história.

Sobre a autora:

Helô Delgado | Foto: Reprodução

Helô Delgado nasceu no sul de Minas Gerais, é casada e mãe de dois filhos. Formada em Psicologia, pós-graduada em Psicanálise e Tradução, é apaixonada por literatura desde criança. Demorou muito para acreditar que poderia escrever e, agora que começou, não quer parar. Dilacerada foi o seu primeiro romance.

Ficha Técnica:

Título: Dilacerada
Escritora: Helô Delgado
Editora: Coerência
Edição: 1ª
Ano: 2017
ISBN: 978-85-92572-91-4
Número de Páginas: 253
Assunto: Literatura Brasileira


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.

Post Bottom Ad

Pages