O infamiliar, novo livro da coleção Obras Incompletas de Sigmund Freud, chega às livrarias - Tomo Literário

Post Top Ad

O infamiliar, novo livro da coleção Obras Incompletas de Sigmund Freud, chega às livrarias

Compartilhe




Nenhum outro texto de Freud foi traduzido de maneiras tão diferentes. Em português, “Das Unheimliche” já foi traduzido como “O estranho” e, mais recentemente, como “O inquietante”; já em outras línguas, como equivalentes a “A inquietante estranheza”, “O inquietante familiar”, “O sinistro”, “O ominoso”, “O perturbador” e tantas outras. Essa simples enumeração mostra o desafio de traduzir aquilo que não se pode traduzir, o intraduzível.

Na presente edição, publicado pela Autêntica, o leitor tem em mãos uma tradução não apenas original, mas também ousada e rigorosa: O infamiliar.

O “infamiliar” não é resultado da fidelidade à língua de partida, mas, ao contrário, a marca visível da impossibilidade da tradução perfeita. Desse modo, como revela a editora, não deixa de ser também uma “intradução”, que, em vez de esconder o problema da inevitável equivocidade da tradução, o faz vir à tona.

A edição comemora os 100 anos da primeira publicação de “Das Unheimliche” e trata-se de uma publicação bilíngue e anotada do texto de Freud, que  traz também uma tradução inédita do conto “O Homem da Areia”, de E. T. A. Hoffmann, obra ficcional que mostrou a Freud a especificidade de um mecanismo psíquico bastante frequente, uma sensação ligada à angústia e ao horror, que experimentamos como algo ao mesmo tempo muito longe e muito perto de nós, muito estranho e muito familiar, muito inquietante e muito próximo.

Para completar o volume, vários ensaios de renomados especialistas em psicanálise, literatura, estética e tradução comentam aspectos essenciais da obra: Christian Dunker, Ernani Chaves, Gilson Iannini, Guilherme Massara Rocha, Pedro Heliodoro Tavares e Romero Freitas assinam esses textos.

Adquira o seu:







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.

Post Bottom Ad

Pages