Travestis Brasileiras em Portugal - Tomo Literário

Post Top Ad

Travestis Brasileiras em Portugal

Compartilhe


Chegou por aqui o livro Travestis Brasileiras em Portugal – Trans-migrações e Globalização – A Indústria do Sexo Transnacional, de Francisco J. S. A. Luís, publicado pelo Chiado Editora.

Sobre o livro:

O século XXI acentuou a celeridade dos processos globalizantes e a densificação de tecidos urbanos repletos de contrates. O mundo já não é a preto e branco e o anonimato trouxe consigo a cor sob a forma de diferença, que, enquanto experiência vivida, se tornou comunitariamente possível na cidade. Quebra-se na prática a uni-direccionalidade entre sexo e gênero ou entre sexo e sexualidade, enfrentando-se pensamentos enraizados.

O paradigma máximo desta autonomia sistêmica alcança-se na construção de uma identidade travesti mutante, mutável e instável que acompanha um mundo profusamente povoado por fluxos intensos e interdependência das mais variadas.

É na sociedade global que as travestis encontram espaço para a vivência transnacional e comunitária das viagens trans. Brasil, Europa, cidade, prostituição e migração surgem como fatores-fhave para a sua disseminação geográfica e de identidade. A rua tornou-se a casa e outras travestis tornaram-se família.

A obra é proveniente de uma tese de doutorado em Antropologia Social e Cultural.

Sobre o autor:

Francisco José Silva do Amaral Luís nasceu em Lisboa em 1971. Foi investigador do Centro em Rede de Investigação em Antropologia, é Doutorado em Antropologia Social e Cultural e Mestre em Direito Administrativo e Administração Pública. Travestis Brasileiras em Portugal é um trabalho de dez anos que cumpre o seu propósito: dar voz a quem não tem.

Um comentário:

Deixe aqui seu comentário.

Post Bottom Ad

Pages