[Entrevista] Marco Lima - Tomo Literário

Post Top Ad



Marco Lima escreveu os livros “Quando os anjos caminham sem asas”. “A fuga de Bidth” e “A cota do dia”. O escritor falou ao Tomo Literário. Confira a entrevista.

Tomo Literário: Como foi o seu primeiro contato com a literatura?

Marco Lima: Eu gostava de ler gibis e o primeiro livro que me chamou atenção foi “Entrevista com Vampiro”. Depois de ler assisti o filme no cinema e passei a adotar esse comportamento como um hobby. Passei a ler livros que se transformaram em filmes.

Tomo Literário: Quando os Anjos Caminham Sem Asa foi publicado em 2016. Como surgiu a ideia da trilogia?

Marco Lima: A ideia surgiu após a Copa do Mundo de 2014. Eu estava no jogo dos 7x1. Sempre fui apaixonado pela seleção brasileira e naquele dia senti o meu coração arrancado do meu corpo. Eu precisava repor essa paixão em algo. Decidi criar um menino tibetano, pois no Tibete e prática do desapego é mais avançada. Não seria uma trilogia, mas conforme a história foi evoluindo se transformou em algo grandioso e fantástico!

Tomo Literário: Recentemente você lançou A Fuga de Bidth – segundo volume da trilogia. O que os leitores podem esperar em relação a esse livro?

Marco Lima: O primeiro livro foi um drama com um enfoque otimista sobre a força do amor e da amizade. O segundo é uma história de ação. Os leitores podem esperar deste livro algo jamais visto na literatura, com uma narrativa construída na direção de uma cenário fantástico como o Monte Everest.

Tomo Literário: O terceiro volume está sendo preparado? Como está o processo?

Marco Lima: Está sendo preparado sim. O processo é interno. Fico pensando o tempo todo na forma como vou escrever, aproveitando toda a minha evolução. Evoluo a cada ano, adquirindo sempre novas técnicas de narrativa e revisão de texto.

Tomo Literário: A Cota do Dia – Um Guia Pra Viver Mais traz ensinamentos orientais. Qual a sua relação com a prática dos ensinamentos abordados no livro?

Marco Lima: Sou professor de educação física, formado em medicina tradicional chinesa, acupunturista, shiatsuterapeuta e instrutor de técnicas como o Chi Kung e Lian Gong (exercícios terapêuticos).

Tomo Literário: O que te inspira a escrever?

Marco Lima: Filmes juntamente com a certeza que escrever organiza os meus pensamentos.

Tomo Literário: Tem algum novo projeto literário? Pode nos adiantar algo?

Marco Lima: Tenho sim. O terceiro livro da trilogia “Quando os anjos caminham sem asas”, um livro de humor sobre o mundo das academias, um livro de crônicas sobre as penitenciárias de São Paulo, um romance erótico, mais um livro técnico abordando a importância do foco para ter sucesso na vida e mais alguns que eu ainda vou idealizar até completar 10 livros.

Tomo Literário: Que autores você recomenda ou quais autores influenciaram o seu trabalho como escritor?

Marco Lima: Confesso que nenhum exatamente. Admiro alguns mas o que eu faço não se parece com nenhum autor conhecido.

Tomo Literário: Que livros, de quaisquer gêneros, você indicaria aos leitores e de que maneira esses livros te tocam?

Marco Lima: Eu gosto de livros que viram filmes. Os últimos que eu gostei foram as trilogias Divergente e Jogos Vorazes.

Tomo Literário: Quais são as suas expectativas ou sonhos como escritor?

Marco Lima: Apenas ganhar um pouco de dinheiro para completar a minha renda vendendo livros. Nem me imagino ficar muito conhecido.

Tomo Literário: Quer deixar algum recado para os leitores?

Marco Lima: Quero sim. Que diversifiquem mais na leitura. Deem mais chances para os autores nacionais. Muitos deles são até melhores do que os internacionais.

Saiba mais sobre o autor

Marco Lima é professor de Educação Física graduado pela UERJ, Pós-Graduado em Medicina Tradicional Chinesa, mestre em Chi Kung e Lian Gong. Palestrante, apresenta-se ministrando temas relacionados a saúde e ao retardo do envelhecimento. Milita há cerca de quinze anos aperfeiçoando teorias relacionadas ao equilíbrio emocional como peça chave para uma vida física e mental estáveis. Defende o incentivo a prática do desapego como o primeiro passo de qualquer grande conquista e a prática da aceitação como técnica de libertação contra qualquer tipo de sofrimento.

Os livros do autor podem ser encontrados no site da Editora Biblioteca 24 Horas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.

Post Bottom Ad

Pages