Factótum - Charles Bukowski


“Factótum” é o segundo romance do escritor Charles Bukowski. O livro foi originalmente publicado em 1975 e a edição lida foi a publicada pela L&PM Editores em 2015, parte integrante da Coleção L&PM Pocket.

No livro temos contato com o personagem Henry Chinaski, que virou protagonista de vários livros de Bukowski e é considerado o seu alter ego. Chinaski é um anti-herói. Ele não consegue entrar para o Exército e, sem emprego, em conflito com a família, sem perspectiva, cruza os Estados Unidos arrumando trabalhos provisórios e fazendo o que é possível para conseguir alcançar o seu maior objetivo: tornar-se escritor.

Chinaski fuma, tem noitadas regadas a bebida, entrega-se ao sexo e outros prazeres. Nesse clima ele se lança num ritmo de total desapego, mesmo diante das turbulências que enfrenta. Poderíamos dizer que Chinaski é cínico. O protagonista do livro desmistifica todo o estereótipo de um escritor idealizado e romantizado. Vive e busca o seu sonho de ser publicado.

Para se ter uma ideia do anti-heroísmo presente em Henry, ele chega a bater no pai, agride uma mulher, mente descaradamente para seus empregadores. É um tipo que vive suas próprias verdades, sem se importar com as consequências. Justamente por seu modo “sincero” de viver é que, possivelmente, o personagem ganha a simpatia do leitor. Em tempos do politicamente correto, convém frisar que é uma obra de ficção. Despojado, desprendido, desapegado e verdadeiro, ele nos coloca em sua história de subsistência. E embute um questionamento implícito: somos o que somos ou o que querem que sejamos?

“Factótum” teve adaptação para o cinema. O filme “Factótum – Sem Destino” foi estrelado por Matt Dillon e Marisa Tomei.

Sobre o autor

Charles Bukowski nasceu em 1920 e morreu em 1994. Nasceu na Alemanha, mas passou toda a sua vida nos Estados Unidos, sobretudo em Los Angeles. Publicou mais de 45 livros de poesias e prosa.

Ficha Técnica
Título: Factótum
Escritor: Charles Bukowski
Editora: L&PM Editores
ISBN: 978-85-254-1661-2
Edição: 1ª
Número de Páginas: 176
Ano: 2015
Assunto: Literatura norte-americana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.