Ultra Carnem - Cesar Bravo



A DarkSide Books, em 2016, publicou alguns livros de talentos nacionais. Ultra Carnem, do escritor Cesar Bravo está entre as publicações.

A primeira parte do livro de 384 páginas chama-se  O Abandono.  Nessa etapa da trama, Dom Giordano, um padre, recebe um menino trazido por uma misteriosa cigana. Mesmo não podendo recebê-lo, o padre acaba cedendo, já que tem algo em troca, dado pela cigana. O menino carrega consigo um tubo que contém um líquido vermelho. Na primeira noite em que o garoto passa no local, o padre tem contato com um ser sobrenatural.

“_ Temo que ele não entenda nosso mundo. Somos muito diferentes dos ciganos. Eles têm roupas estranhas e toda aquela feitiçaria. Pelo que percebi, esse menino não sabe direito quem é. Deus, ele sequer conhece as palavras da Bíblia! Lester está sozinho e assustado, longe do seu povo. O menino será um desafio para nós e para ele mesmo.” Diz Giordano – o padre, em dado momento.

O menino cigano, chamado Wladimir Lester, vai se deparar com os maus-tratos provocados por outros garotos que tentam exercer poder sobre ele. Lester, no entanto, tem algo ou alguém que o protege causando terror naquele orfanato e possibilitando ainda, que o menino tenha a tinta que usa para produzir seus quadros.  

Uma imagem de ciganinha, de tão perfeita que é, parece viva e o padre permite que o garoto a cultue.

A segunda etapa da história é chamada de Gênesis.  Eis que nos deparamos com Nôa, um artista, que procura pistas sobre um menino que vivera num orfanato. Um menino cigano que possuía uma tinta capaz de transformar seus quadros em figuras muito reais, ainda que assustadoras. Nôa vai ao monastério em que Lester estivera e descobre algo que pode ajudá-lo a prosseguir na busca pela história do garoto. Mas Nôa, ambicionando o que a tinta pode lhe dar, encontra alguém que pode ser um obstáculo em sua jornada ou pode decidir o rumo de sua trajetória.

Na terceira parte – O Pagamento – Marcos Cantão um técnico em informática que não tem afeto pela esposa e é aguçado pelo desejo da carne, faz alguns serviços arrumando computadores. Entre sua clientela há uma loja misteriosa em que ocorrem eventos inusitados. Ao aceitar dado pagamento pelo serviço prestado, as coisas em sua vida mudam repentinamente.

“A vida melhorou rápido desde aquela tarde chuvosa n’O Estranho e o Mágico e o provedor da casa, que agora enfiava um pão com Nutella na boca, tentava não se lembrar da sua antiga vida.”

Ele se depara também com as notícias de assassinatos cometidos por um bandido de codinome Açougueiro. Partes de corpos humanos começam a chegar até Marcos. Quem faz isso com ele? Há alguma ligação com as transformações que sua vida vem sofrendo? A ciganinha, um artefato que teria sido pintado por um garoto chamado Lester e com quem teve contato na loja, é o elo das mudanças e dos acontecimentos terríveis?

Já na quarta parte denominada O Inferno, Lucrécia ouve alguns homens conversando no bar em que trabalha e tem a impressão de que eles são demônios. Ela passa por algumas experiências e conhece um lugar em que há detalhes sobre outras pessoas.

Ultra Carnem é composto de quatro partes. Em cada uma delas, um personagem assume o protagonismo. No entanto, elas tem elementos, referências, acontecimentos, personagens que se cruzam formando assim uma narrativa única.

O leitor vai perceber que há um personagem que perpassa pelas quatro etapas de Ultra Carnem. Ele assume modos e aspectos diferentes quando aparece em cena, mas será possível ao leitor identificar de quem se trata, o que será comprovado no desfecho. O livro de Cesar Bravo versa sobre o bem e o mal, céu e inferno, Deus e Diabo. No meio de tudo isso encontra-se o ser humano, como um objeto. O homem, com sua ganância, acaba sendo usado ou deixando-se usar (cada leitor pode interpretar de uma maneira). 

Um ponto em comum nas quatro partes do livro é justamente a ambição, a ganância e o desejo que move os personagens que protagonizam cada uma das etapas. Neles reside a vontade de se dar bem, ter mais dinheiro, atingir sucesso ou fama, se satisfazer. E esse desejo deixa de lado o esforço e a conquista, quando eles se deparam com a sobrenaturalidade que é tratada na obra.

O autor tem uma linguagem acessível e cria um interessante jogo com sua narrativa ao não desnudar tudo. E os personagens que carregam determinados estereótipos reforçam o conceito do que os faz ceder aos encantos, se assim podemos chamar, do lado obscuro do homem e dos mistérios que nos cercam.

Quando se lê a primeira parte do livro o leitor sente vontade de saber mais sobre aquele misterioso menino cigano, alguns detalhes ficam pairando no ar e pode-se ter a sensação de que trata-se de um livro de contos independentes. Mas não o é, e tais pontos voltam a ser fechados mais adiante, quando a história avança. Algumas informações vão ficando sem desfecho até chegar a quarta  e última parte do livro, onde se conclui toda a narrativa e fecha-se o enredo.

Ultra Carnem foi uma boa leitura. Tem personagens interessantes, uma trama que envolve e terror à vontade.
O que falar do projeto gráfico da DarkSide Books? Simplesmente é maravilhoso. A capa dura, a página de guarda e ilustrações presentes na obra só fazem somar.

Foto: Reprodução
Sobre o autor

Nascido em 1977, em Monte Alto, São Paulo, foi apenas recentemente que Cesar Bravo deu voz à sua relação visceral com a literatura. Durante sua vida já teve diversos empregos – ocupando cargos na indústria da música, na construção civil e no varejo. É farmacêutico de formação. Bravo publicou sua primeiras obras de forma independente, e em pouco tempo ganhou reconhecimento dos leitores e da imprensa especializada. É autor e coautor de contos, romances, enredos, roteiros e blogs. Transitando por diferentes estilos, possui uma escrita afiada, que ilumina os becos mais escuros da psique humana. Suas linhas, recheadas de suspense, exploram o bem e o mal em suas formas mais intensas, se tornando verdadeiros atalhos para os piores pesadelos humanos.

Ficha Técnica

Título: Ultra Carnem
Escritor: Cesar Bravo
Editora: Rocco
Edição: 1ª
ISBN: 978-85-945-4015-7
Número de Páginas: 384
Ano: 2016
Assunto: Literatura brasileira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.