Editora do Brasil destaca quatro lançamentos para celebrar o Dia das Crianças

A Editora do Brasil, atuante no mercado editorial há mais de 70 anos, oferece aos seus pequenos leitores quatro lançamentos para celebrar o Dia das Crianças. As Obras têm um olhar diferenciado sobre a infância e podem ser dicas interessantes de presentes para a data comemorativa.

Segundo a quarta edição da pesquisa Retratos da Leitura no Brasil, realizada pelo Instituto Pró-Livro (IPL), as mães, os pais e os demais familiares são os principais influenciadores na obtenção do gosto pela leitura dos filhos. Além deles, os professores também têm importância fundamental no desenvolvimento do hábito da leitura. O levantamento do IPL revela ainda que os alunos do Ensino Fundamental I (do 1º ao 5º ano) estão entre os que mais leem entre os estudantes, com 8% dos entrevistados.

Entre os títulos disponibilizados recentemente para este segmento de mercado e que são excelentes opções para auxiliar no desenvolvimento da leitura, destacam-se: Josefina quer ser bailarina (Claudia Souza), Os piolhos da princesa (Rosinha), Maria José é, José Maria ia (Selma Maria), Igual ou diferente, depende do olhar da gente (Ellen Pestili).

Em Josefina quer ser bailarina, da professora e psicóloga Claudia Souza, em parceria com o ilustrador Alexandre Rampazo, a protagonista quer a todo custo ser bailarina, mas tem uma enorme dificuldade nas aulas de balé. Mesmo trocando de escola de dança, ela não faz as atividades propostas e nem acompanhar a turma. Então por que Josefina continua querendo ser bailarina? Uma história sobre o que somos e o que queremos ser, ainda que seja apenas imaginação.

A autora e ilustradora pernambucana Rosinha apresenta Os piolhos da princesa. Na obra, uma pequena e solitária princesa encontra uma forma muito inusitada de se divertir: ter piolhos. Por meio de uma linguagem simbólica, complementada por belas e coloridas ilustrações, esta divertida história leva os leitores a uma reflexão sobre criatividade, individualismo e consumismo, convivência em grupo e amizade.

A brincadeira preferida de Maria José e José Maria é experimentar as possibilidades da Língua Portuguesa, contando e recontando muitas histórias. No livro Maria José é, José Maria ia, da educadora e artista plástica Selma Maria, tanto faz se as palavras são fáceis ou difíceis, femininas ou masculinas, o mais importante é divertir-se com elas! A narrativa revela uma brincadeira repleta de imagens sobre gêneros gramaticais, infância e poesia.

Igual ou diferente, depende do olhar da gente, da ilustradora e escritora paulista Ellen Pestili, narra o dia a dia de uma escola na floresta, que tem alunos de todos os tamanhos, pelos e plumagens. Uns mais pescoçudos como é o caso da ema; outros narigudos, como o tamanduá; e até um visitante estrangeiro, o elefante! Este título apresenta a diversidade e revela que é possível conviver e respeitar as diferenças.

As quatro obras, destinadas principalmente aos estudantes dos primeiros anos, possuem um olhar diferenciado sobre a infância, o que as credenciam para atrair o interesse dos pequenos e promover o gosto pela literatura entre o público-alvo.

Os títulos estão disponíveis para comercialização por meio da loja virtual da Editora Brasil (http://www.editoradobrasil.com.br/lojavirtual/) ou na loja física, diretamente na sede da empresa em São Paulo (Rua Conselheiro Nébias, 887 – Campos Elíseos).

Sobre a Editora do Brasil:

Fundada em 1943, a Editora do Brasil atua há mais de 70 anos com a missão de mudar o Brasil por meio da educação.  Como empresa 100% brasileira, foca a oferta de conteúdos didáticos, paradidáticos e literários direcionados ao público infanto-juvenil. Foi fundadora da CBL, SNEL, FNLIJ, IPL e da Abrelivros. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.